RACING GUIMARÃES

Tudo sobre as provas Oficiais de Automobilismo em Guimarães e muito mais!
 
InícioCalendárioGaleriaFAQBuscarGruposMembrosRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 JUAN PABLO MONTOYA

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Admin
Admin
avatar


MensagemAssunto: JUAN PABLO MONTOYA   Sab Jan 28 2017, 12:04

JUAN PABLO MONTOYA
Juan Pablo Montoya Roldán (Bogotá, 20 de Setembro de 1975) é um automobilista colombiano.
Vencedor da Fórmula 3000, Champ Car e 500 Milhas de Indianápolis, Montoya, durante seis temporadas, correu na Fórmula 1, tendo conquistado sete vitórias e terminado como terceiro duas vezes no campeonato (em 2002 e 2003), como melhor posição.
 
CHAMP CAR
Em 1999, como não havia vaga de titular na escuderia que o contratara, a Williams, foi convidado a correr na Champ Car, para substituir o então bicampeão Alessandro Zanardi na Chip Ganassi Racing.
 
Antes de ir para os Estados Unidos, Montoya já havia mostrado sua habilidade na Europa ao ser o campeão da Fórmula 3000 com sessenta e cinco pontos - um recorde na época. Na CART, venceu o campeonato com sete vitórias em sua primeira tentativa.
 
Já no ano seguinte, na mesma escuderia, teve de lutar contra um carro com pouca confiabilidade. Ainda assim, o colombiano conseguiu uma vitória nas 500 milhas de Indianápolis.
 
FÓRMULA 1
Montoya fez sua estreia na Fórmula 1 em 2001, pela equipe de Frank Williams, da qual já havia sido piloto de testes. Em sua terceira corrida, ele surpreende a todos com uma linda ultrapassagem sobre o então tricampeão Michael Schumacher. Montoya liderava a corrida até que, numa atitude desastrada, o neerlandês Jos Verstappen tirou-o da prova. Apesar disso, ainda conseguiu terminar sua primeira temporada na F1 com uma vitória e três poles positions.
 
Em sua segunda temporada, já com certa experiência na categoria, conquistou cinquenta pontos e, a despeito de não ter vencido nenhuma corrida, ficou apenas atrás dos dois pilotos da Ferrari no final do campeonato. No ano seguinte, lutou pelo título até a penúltima prova, mas acabou perdendo a disputa, terminando novamente em terceiro no campeonato, com oitenta e dois pontos, duas vitórias e uma pole.
 
Em 2004, sua equipe enfrentou vários problemas: um projeto mal sucedido da Williams, além de divergências entre ela e sua fornecedora de motores acabaram por frustrar as chances de Montoya no campeonato. Por conta desses motivos, acabou aceitando uma proposta da McLaren.
 
Em sua nova equipa, Montoya sofreu um acidente, noticiado oficialmente como tendo acontecido num jogo de tênis (embora a imprensa especulasse que foi, na verdade, um acidente de moto), que o deixou de fora de algumas corridas.
 
NASCAR
Temporada 2006
2006 Foi o ano em que culminou sua carreira na Fórmula 1, para dar lugar a uma nova etapa em sua carreira, desta vez na categoria NASCAR dos Estados Unidos, formando uma parte da equipe de seu antigo chefe da CART, Chip Ganassi. No final deste ano, começou seu período de adaptação para a NASCAR, começando na Busch Series (o segundo maior na NASCAR atrás do NEXTEL Cup) em que competiu em três ocasiões (uma retirada). Então, nesse mesmo ano de 2006, feita uma aparição mais, mas desta vez, na NEXTEL Cup, no qual, não poderia terminar (com o carro nº30).
 
Temporada 2007
Em 2007, foi anunciado que seria parte dos pilotos da famosa corrida de resistência americana - as 24 horas de Daytona - algo que não era esperado, mas que saiu vitorioso, junto com seus companheiros do veículo: Scott Pruett (americano) e Salvador Durán (mexicano), com o carro número um, a equipe Ganassi. Mais tarde, 4 de Março de 2007, obteve sua primeira vitória no NASCAR Busch Series, no circuito de Cidade do México (México), Autódromo Hermanos Rodriguez.
24 De Junho de 2007 torna-se o primeiro latino a ganhar uma competição na categoria NEXTEL Cup, no circuito misto de Infineon Raceway em Toyota / Save Mart 350 e estabelecendo um recorde de ganhar vitórias.
Em 18 de novembro de 2007 consagrou-se como o Rookie do Ano na NASCAR Sprint Cup, depois de ser o melhor estreante em 36 competições do número máximo de NASCAR e no final da temporada na posição 20, com 3487 pontos.
Após a corrida no circuito de Watkins Glen, o colombiano teve uma discussão acalorada com americano Kevin Harvick, que culpou do Juan Pablo removê-lo da competição.
 
Temporada 2009
A equipa de Chip Ganassi quer ser mais competitiva, então faz uma fusão com o de Teresa Earnhardt, Dale Earnhardt Inc. e move-se para chamar a Earnhardt Ganassi Racing. Com esta etapa, que a equipe de Montoya agora corre com motores Chevrolet, que são muito mais competitivos.
Montoya conseguiu sua primeira pole position na Nascar Abril 24 2009, em pista Talladega para a marca de 188.171 km/h.
Para a vigésima-primeira data da NASCAR Sprint Cup, Juan Pablo Montoya já está na posição n°8, de classificação para a fase final do campeonato, conhecido como "Chase". A campanha de 2009 de Montoya na Nascar Sprint Cup, tem sido a melhor desde que veio para esta categoria, obtendo um top 5, top dez 10, uma pole position, com um total de 2631 pontos, 557 em relação ao líder, Tony Stewart.
Uma das suas melhores corridas em que ultimamente tem tido foi em Indianápolis, onde liderou por 106 voltas. Mas a punição por ter excedido o limite de velocidade, acabou terminando em 11º lugar.
Estatisticamente destina-se a história que o Montoya é o único piloto que correu em três carros de corridas (Fórmula 1, IndyCar e NASCAR) que já correu no oval de Indianápolis. Ele liderou o caminho do seu triunfo nas 500 Milhas de Indianápolis de 2000, levado em sua Williams F1 para o Grande Prêmio do Estados Unidos do Campeonato Mundial da Fórmula 1.
Em 12 de setembro de 2009 novamente Montoya faz história, classificando-se ao Chase na Nascar Sprint Cup, graças ao qual, na ausência de apenas 10 corre apenas 40 pontos separa-lo, pela primeira vez na NASCAR, um piloto não-americano é classificado ao assunto desde que ele foi implementado em 2004.
 
Temporada 2010
Montoya começou a temporada de 2010 para ganhar as 24 Horas de Daytona, liderando por 4 horas, mas uma falha de motor impediu uma vitória possível. Em 9 de agosto, vence em Watkins Glen, com uma vantagem de 4,7 segundos antes do norte-americano Kurt Busch.
 
Temporada 2011
Apesar de começar com um 2º lugar nas 24 horas de Daytona, em 2011 foi pior do que em 2010, pois Montoya não ganhou nenhuma corrida, com um 3º lugar e um pole position como registros mais notáveis.
 
Temporada 2013
Na corrida no Richmond International Raceway, Montoya quase marcou sua primeira vitória em um oval na NASCAR Sprint Cup, mas foi superado e terminou em quarto por causa de uma bandeira amarela 3 voltas para o final. Ele também esteve perto de vencer em Dover, mas acabou sendo superado pelo Tony Stewart na ausência de três voltas. Em Sonoma, Montoya correu em segundo, mas ficou sem combustível na última volta e caiu 32 posições, terminando a 34° posição. Com um total de quatro tops 5 e 8 top 10, o colombiano terminou 21ª posição na tabela de pontos.
Em 13 de agosto de 2013, foi anunciado que o contrato do Montoya com Earnhardt Ganassi Racing não seria renovado para a temporada de 2014., fechou o último dos seus oito anos na NASCAR com o registro de duas vitórias, 24 top 5 e nove poles positions na NASCAR.
 
RETORNO À FÓRMULA INDY

Em 16 de setembro de 2013, Juan Pablo Montoya acertou sua volta à Indy. Depois de ser dispensado da Ganassi na Nascar, o colombiano assinou contrato com a Penske para pilotar o terceiro carro da tradicional equipa na temporada de 2014, tendo como companheiros de equipa o brasileiro Helio Castroneves e o australiano Will Power.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
JUAN PABLO MONTOYA
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Carnaval de San Juan De La Vega - Mexico
» Melhor Pneu Custo x Benefício
» Jeep, Land Rover, Hummer e Corvette em escala 2/3
» Honda CVR Preta vc Menzerna Polishes Heavy Pic!! 56K Billy Car Care Products
» Toyota sw preta HEAVY PIC!!!!! Billy Car Care Products

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
RACING GUIMARÃES :: COMPETIÇÕES INTERNACIONAIS :: NASCAR :: PILOTOS-
Ir para: